O objetivo da iniciativa Saúde Digestiva é promover um conhecimento mais aprofundado do aparelho digestivo e uma maior consciência do que todos temos de fazer, enquanto médicos, pacientes e cidadãos, não só para combater as doenças e sintomas do sistema digestivo que afetam a qualidade de vida de aproximadamente 1/3 da população, mas acima de tudo para incentivar a adoção de hábitos alimentares saudáveis e de atividade física regular, que são o melhor contributo que podemos dar ao nosso bem-estar digestivo.

Especializada no aparelho digestivo, a Sociedade Portuguesa de Gastrenterologia é uma associação científica, sem fins lucrativos e de utilidade pública, que se propõe a: colocar a Gastrenterologia ao serviço da saúde dos Portugueses; estimular a investigação, o conhecimento e a difusão de ideias; promover contactos nacionais e internacionais; desenvolver atividades educacionais; e exercer atividades de consultadoria.
Prevenir, diagnosticar e tratar são as 3 palavras-chave que nos motivam a estar na linha da frente da Saúde Digestiva.

Um estilo de vida saudável, uma dieta equilibrada, exercício físico regular, evitar e corrigir a obesidade e consultas periódicas com o gastrenterologista (e não apenas como última solução), são princípios centrais para prevenir doenças e garantir a boa Saúde Digestiva. O diagnóstico precoce é a forma mais eficaz de reduzir a mortalidade, nomeadamente do cancro, bem como de promover a Saúde Digestiva).

O aparelho digestivo é composto por alguns dos nossos órgãos mais importantes: mede cerca de 10 metros e vai da boca ao ânus, passando pelo esófago, fígado, vesícula, estômago, pâncreas, e intestinos delgado e grosso. A missão deste sítio é ser um porta-voz e uma fonte credível de informação, e demonstrar que se dermos a devida importância e atenção a toda esta dimensão e abrangência, vamos influenciar positivamente a Saúde Digestiva de todos nós. Pois se somos o que comemos e se existe um eixo Cérebro-Intestino-Fígado, a Saúde Digestiva está no centro das atenções e das nossas vidas.

Slide